Notícias

Cidades

Autoridades lamentam morte de jornalista Ricardo Boechat


O presidente Jair Bolsonaro lamentou a morte do jornalista Ricardo Boechat em um acidente de helicóptero no começo da tarde desta segunda-feira (11).

“É com pesar que recebo a triste notícia do falecimento do jornalista Ricardo Boechat, que estava no helicóptero que caiu hoje em SP. Minha solidariedade à família do profissional e colega que sempre tive muito respeito, bem como do piloto. Que Deus console a todos!”, escreveu no Twitter.

O governador do Estado, Renato Casagrande, emitiu uma nota e disse que “é com pesar que recebo a notícia da morte do jornalista Ricardo Boechat, 66, no início da tarde desta segunda-feira (11), vítima de um acidente de helicóptero em São Paulo. O jornalismo brasileiro perde hoje uma de suas referências. Defensor do pluralismo de ideias e da imprensa livre, Boechat tinha fortes ligações com nosso Estado. Meus sentimentos à Veruska, sua esposa, aos familiares e amigos neste momento de dor”.

O ex-governador Paulo Hartung também se manifestou sobre o acidente. “Acabo de receber com muita tristeza a notícia da morte do jornalista Ricardo Boechat, em condições trágicas. Deixo aqui meus sentimentos à família, em especial à querida Veruska. O jornalismo perde um dos seus maiores representantes contemporâneos. Boechat tinha opiniões fortes e uma capacidade de análise única. Ele certamente deixa saudade aos seus fãs, amigos e familiares. O bom jornalismo perde um de seus melhores nomes”, afirma a nota.

Hartung concedeu entrevista para Boechat na Rádio Band News FM no Espírito Santo (Foto: Leonardo Duarte / Assessoria)
Hartung concedeu entrevista para Boechat na Rádio Band News FM no Espírito Santo (Foto: Leonardo Duarte / Assessoria)

O Governador de São Paulo, João Dória, também se pronunciou sobre a morte do jornalista.

Veja mais:

Veja vídeo da queda de helicóptero que matou jornalista Ricardo Boechat

Casado com capixaba, Boechat exaltava as belezas do Estado