Notícias

Internacional

Atirador mata ao menos 12 pessoas e deixa dezenas de feridos em bar nos EUA


Um atirador matou ao menos 12 pessoas e deixou várias outras feridas durante um ataque na noite de quarta-feira (7) em um bar em Thousand Oaks, no sul da Califórnia, a cerca de 65 km de Los Angeles. O autor do crime também morreu.

Mais de cem pessoas estavam dentro do Borderline Bar & Grill durante uma festa voltada para estudantes universitários.

O suspeito ainda não foi identificado e as motivações para o crime não são conhecidas. Também não foi informado quem o matou.

Um dos mortos é um policial, que foi identificado como o sargento Ron Helus, de 29 anos. As outras vítimas não foram identificadas.

Inicialmente, os policiais haviam informado que o ataque deixou apenas feridos e que o suspeito estava sob custódia, mas depois o xerife da área, Geoff Dean, deu entrevista e atualizou as informações.

"A cena lá dentro é horrível. Há sangue por toda parte", disse Dean.

Relatos postados nas mídias sociais afirmam que um homem de barba usando um casaco preto entrou no local e atirou mais de 30 vezes.

Testemunhas disseram à rede de TV ABC News que o atirador utilizou uma pistola e bombas de fumaça.

Segundo a CNN, pessoas que estavam dentro do bar usaram cadeiras para quebrar as janelas e escapar.