Flávio Dias

Flávio Dias


Assombração!

Kelvin com a camisa do Vasco (Foto: Carlos Gregório Jr./Vasco)
Kelvin com a camisa do Vasco (Foto: Carlos Gregório Jr./Vasco)
Fluminense venceu, Botafogo e Vasco perderam. Afirmo sem medo: se juntarmos os três, não dá um time! Quanta falta de respeito das diretorias com história dos próprios clubes! Não por acaso, os três começaram a 24ª rodada preocupados com a zona de rebaixamento e Vasco e Fogão a terminaram ainda mais assustados. O Flu respirou, por enquanto...

Alberto Valentim, aquele que mesmo campeão carioca era visto com desconfiança no Botafogo no primeiro semestre, chegou ao Vasco depois de aventura rápida (e milionária) no Egito e... nada! Quatro jogos, quatro derrotas. E só não está na zona de rebaixamento por causa da vantagem no saldo de gols em relação ao Sport.

Ah, mas o Vasco tem um jogo a menos! Sim, tem. Contra o agora embalado Santos, no Pacaembu! Tá fácil? E mesmo se contabilizarmos três pontos de uma suposta vitória, o time estaria hoje apenas uma posição acima, ou seja, ainda perigosamente perto da zona de rebaixamento!

Uma camisa tão pesada como a do Vasco não pode ser carregada por Bruno Silva, Werley, Raul, Kelvin e afins... O tal do Willian Maranhão (vocês conhecem, né?) chegou ontem e já virou titular! Não inventa, Valentim!

Já tem gente em São Januário pedindo a saída do técnico! Será que resiste ao Vasco x Flamengo da 25ª rodada?

***

Fogão bipolar

Zé Ricardo sofre com o Botafogo (Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)
Zé Ricardo sofre com o Botafogo (Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo)
O Botafogo fez uma boa partida contra o Cruzeiro e só não venceu porque o Fábio é um goleiraço! Aí, vem o clássico contra o Fluminense e o time regride. Não há torcedor que aguente assim! Afinal, é para confiar ou não na evolução do time com Zé Ricardo?

O técnico tem sete jogos no Brasileirão com o time, com quatro derrotas, dois empates e somente uma vitória. Péssima campanha. Com 26 pontos, é o 15º na tabela, dois pontos e duas posições acima da zona de rebaixamento.

E lá no Botafogo, assim como no Vasco, tem gente que nunca deveria vestir a gloriosa camisa alvinegra.
Pelo menos, o Fogão tem a Copa Sul-Americana para sonhar. Vale a aposta. Mas uma reação no Brasileirão é urgente já a partir da próxima rodada, contra o América/MG, em casa.

***

Golaço com as mãos

Goleiro reserva Rodolfo garantiu a vitória do Flu (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)
Goleiro reserva Rodolfo garantiu a vitória do Flu (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)
O Fluminense venceu o clássico e ganhou um alívio. Venceu graças a um gol de zagueiro e a um “golaço” feito pelo goleiro reserva Rodolfo, que entrou e pegou pênalti do Lindoso já perto do fim do jogo.

Para quem vibrou recentemente com Fred, Conca, Deco e Thiago Neves, é duro ver Junior Dutra, Everaldo, Luciano e Kayke...

O Brasileirão do Flu é ali entre oitavo e 14º lugar. Falar em G-6 é “jogar pra galera”. Assim como o Botafogo, é apostar tudo na Sul-Americana!