search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

Afasta de mim esse cale-se
Painel da Folha de São Paulo

Afasta de mim esse cale-se

A escalada das interferências do governo e de empresas públicas na produção cultural do País fez o grupo 342 Artes, que reúne artistas de diversas áreas, difundir entre seus participantes e colegas a orientação de “judicializar tudo, dar queixas no Ministério Público Federal, provocar as instituições a se manifestarem”. Associações de classe, como a de roteiristas, por exemplo, estão sendo escaladas para fazerem representações. Roberto Alvim, da Funarte, foi alvo de queixa recente.

Via expressa

Pedidos de investigação têm sido enviados pelo Sistema de Atendimento ao Cidadão do Ministério Público Federal. Interferência do governo na Ancine já levou a Procuradoria a processar o ministro Osmar Terra (Cidadania) por improbidade.

Seita

Alvim, diretor da Funarte, entrou na mira do 342 após a Veja revelar que ele abriu processo para criar um “teatro dedicado ao público cristão”, com direito a defesa da criação de um “exército de grandes artistas espiritualmente comprometidos com nosso Presidente e seus ideais”.

Moda que pega

A revelação na Folha, ontem, de que a Caixa instaurou mecanismos de censura prévia em seu sistema de seleção de projetos foi visto no meio jurídico como um dos atos mais abertos e ofensivos já patrocinados por aliados de Jair Bolsonaro.

Tudo nosso

Denunciado pelo Ministério Público como cabeça de um esquema de candidaturas laranjas do PSL em Minas, o ministro Marcelo Álvaro Antônio (Turismo) recebeu solidariedade de alguns colegas do partido que se elegeram com a bandeira do combate à corrupção.

Mal lavado

Alguns parlamentares do PSL chegaram a dizer que sabem como é difícil montar chapas – e que há siglas em “situação muito pior”.

Muito ajuda...

Integrantes da Câmara e da equipe econômica atribuem parte do impasse que se instalou entre as duas Casas do Congresso na disputa sobre recursos da cessão onerosa à “dificuldade de Davi Alcolumbre (DEM-AP) de escolher relatores para projetos”. O presidente do Senado delegou a condução da proposta a Cid Gomes (PDT-CE).

...Quem não atrapalha

Cid, da oposição a Bolsonaro, defendeu fórmula que favorece o Nordeste, irritando governadores de Sudeste, Sul e Centro-Oeste, que ficariam proporcionalmente com menos verba.

Mau presságio

O ataque de um procurador da Fazenda Nacional a uma juíza que despachava no TRF-3, em São Paulo, na quinta, ampliou a preocupação de ministros do Supremo com segurança. Após ler a notícia da tentativa de assassinato da magistrada, um dos integrantes da Corte fez um desabafo.

Mau presságio II

“Estou avisando há tempos. Se a imprensa não parar de adular e incentivar discursos populistas e falsos moralismos, logo você anunciará um ministro do STF esfaqueado”, escreveu.

Palma para maluco

No meio jurídico, cristalizou-se a tese de que narrativas como a empregada por Rodrigo Janot contra Gilmar Mendes “só servirão para produzir um novo Adelio, que dessa vez atente contra o Judiciário”.

Abre-te Sésamo

Integrantes do Conselho Nacional do Ministério Público veem na possibilidade de as mensagens obtidas pelo The Intercept Brasil serem periciadas um caminho para viabilizar uma tomada de posição de conselheiros que criticam a conduta de Deltan Dallagnol, mas são contra o uso provas obtidas ilegalmente nos procedimentos dos quais ele é alvo.

Elevador

A mera abertura de uma investigação para apurar se as mensagens são autênticas já coloca a crise em outro patamar, avaliam integrantes de cortes superiores e procuradores.

Sigam-me os bons?

Sergio Moro pediu uma reunião com a bancada do PSL para tratar das estratégias de aprovação de seu pacote anticrime. Um encontro está sendo organizado para a semana que vem.

Prepare-se

Ministros do Tribunal de Contas da União receberam sinais de que a campanha publicitária do pacote anticrime de Moro não foi bem recebida no STF e no Superior Tribunal de Justiça. A expectativa é a de que o TCU imponha limites à propaganda.

Tiroteio

“O que esperar da censura bolsonariana? O Presidente só vê Chaves, e o ministro só conhece berimbau. Estamos perdidos!”. Do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), sobre a Caixa ter criado sistema de censura a projetos culturais realizados em seus espaços.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Quem manda mais

A decisão de Luiz Fux, que reformou ato do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, nas ações que contestam a criação do juiz das garantias foi lida por ministros de Cortes …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Tempo de maturação

Apesar da repercussão da denúncia contra Glenn Greenwald, uma reclamação ao Supremo não deve ser encaminhada nos próximos dias, durante o recesso do Judiciário. O plantonista da Corte é o ministro …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

DNA da fuga

O governo de São Paulo afirmou ter identificado apenas um fugitivo que teve passagem por uma prisão do estado, entre os 75 que fugiram de Pedro Juan Caballero, no Paraguai. O secretário de Administra…


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Ponta do novelo

O vídeo com alusão ao nazismo que derrubou o secretário de Cultura, Roberto Alvim, acentuou o racha na comunidade judaica no País. O grupo Judeus pela Democracia pretende usar o episódio para …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Com fé, eu vou

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), baixou na última semana resolução que cria uma via rápida para a aprovação de isenção do IPTU para templos religiosos. A medida entra em vigor em 1º de …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

A parte pelo todo

Ao conversar com Jair Bolsonaro, ontem, sobre o vídeo gravado por Roberto Alvim – secretário da Cultura que acabou demitido no episódio –, o presidente do Congresso, Davi Alcolumbre (DEM-AP), …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Homem ao mar

Como forma de reduzir a crise na Secretaria de Comunicação, auxiliares de Jair Bolsonaro avaliam que Fábio Wajngarten tem que agir de modo mais efetivo e deveria optar por afastar Fábio Liberman, …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Devagar com o andor

Apesar da intenção de apresentar a reforma administrativa em fevereiro, a equipe econômica foi advertida de que trechos incomodam algumas categorias de servidores e podem complicar o avanço do tema. …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Espólio de guerra

Um dos pontos que o governo avalia para a venda dos Correios é o que fazer com um contingente de cerca de 40 mil pessoas que possivelmente vão perder o emprego com a privatização da estatal. Em …


Exclusivo
Painel da Folha de São Paulo

Ao gosto do freguês

Advogados que atuam em causas penais já vislumbram a possibilidade de usar o juiz das garantias a favor de réus que hoje defendem. Um dos pontos que emergem é a leitura de que a nova figura …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados