Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

A tecnologia na educação 4.0
Tribuna Livre

A tecnologia na educação 4.0

A Feira Bett Educar é um evento referência na América Latina para o setor educacional e reúne os maiores especialistas no assunto para discutir os desafios do setor. Nos últimos dois anos, a discussão do evento foi voltada para as mudanças da Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

Agora já homologada, a BNCC instituiu uma série de competências desde a Educação Infantil até o Ensino Médio e as escolas são obrigadas a cumpri-las.

Este ano a tecnologia aplicada à educação - conhecida como Educação 4.0 – entrou com tudo em pauta. Tanto os palestrantes quanto os expositores, levaram propostas que colocam o aluno no centro do processo de aprendizado. Essa é a mudança de paradigma da Educação 4.0: o estudo construído pelo aluno. Agora o aluno não é apenas um espectador, mas sim o receptor de conhecimento. Com a mudança, o currículo de sucesso passa a explorar metodologias ativas ao trabalhar com projetos, investigação, resoluções de problemas, produções de narrativas digitais e desenvolvimento de atividades maker (uma extensão da cultura faça-você-mesmo que incentiva confiança e iniciativa para solucionar problemas), transformando as ferramentas digitais em linguagem.

Diante dessa nova realidade e da busca pela inserção de tecnologia nas escolas, o maior desafio está com os gestores e alguns professores que ainda não são de uma geração tecnológica e têm dificuldades até de utilizar as ferramentas digitais que a escola dispõe. O desafio está aí, fazer com que esses profissionais consigam absorver as mudanças da educação e acolher a tecnologia no processo educativo.

Para muitas escolas - principalmente as particulares - a Educação 4.0 já é uma realidade. Desde o sistema de gestão até chegando no sistema de ensino, já é possível ver intuições que utilizam essa tecnologia a seu favor e estão alinhadas à essa nova realidade de ensino. Essas escolas são as que têm gestores mais conectados! É fácil notar que essa postura está ligada ao perfil dos profissionais daquela instituição e da equipe de professores e facilitadores que foi construída ali.

Então o foco e a preocupação, daqui em diante, não será nos recursos tecnológicos e sim em como utilizá-los para proporcionar interação, ludicidade e coletividade. A vivência e a experimentação durante a aprendizagem serão valorizadas, bem como o desenvolvimento de competências socioemocionais e criativas.

Essa nova prioridade faz parte do termômetro de qualidade dos serviços que veio mudando junto com as pequenas revoluções que a tecnologia promoveu no dia a dia do consumidor. Outra tendência apresentada na Bett Educar é a busca por aplicativos mais robustos, os super apps, em que alunos e pais conseguem resolver praticamente tudo que precisam. As escolas oferecem mais funcionalidades operacionais. Já não é mais necessário, por exemplo, o pai ou responsável ter que comparecer à escola para assinar documentos graças à tecnologia da informação.

Assim, a busca pela aplicação da tecnologia na educação se amplia, já que a tecnologia oferece soluções e resolve problemas que antes nem existiam. Continuamos a acompanhar essas demandas mesmo depois da feira, pelas conversas com gestores escolares e suas demandas por soluções voltadas para a educação e vamos construindo juntos uma nova cultura educacional voltada para a inovação, a invenção, a resolução de problemas, a programação e a colaboração.

Cláudia Coelho Fuzer é professora e analista de sistemas da informação.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Metamorfose profissional e o mercado corporativo

O mercado corporativo está passando por mudanças bruscas nos últimos anos. Com o avanço da tecnologia, as empresas estão se reinventando e procurando novos caminhos e soluções ligadas à transformação …


Exclusivo
Tribuna Livre

Reflexões sobre a Arte atual

As pinturas rupestres ou pré-históricas, reveladas ao público no séc. XIX, foram de início apontadas pelos darwinistas como fraudes dos criacionistas (aqueles que acreditam que animais e plantas …


Exclusivo
Tribuna Livre

A relação entre urbanismo e segurança pública

O que o urbanismo tem a ver com a segurança pública? Para muitas pessoas não existe uma relação entre o urbanismo e a segurança pública, mas veremos que ao contrário do que pensa a maioria das …


Exclusivo
Tribuna Livre

O segredo da pré-campanha está no almoço de domingo

No domingo, como bom genro, decidi fazer um churrasco de agrado à minha sogra. Próximo a nossa casa existe um açougue, entretanto, pego o carro e faço questão de atravessar a cidade para comprar os …


Exclusivo
Tribuna Livre

Educação com segurança

Na semana passada tivemos, aqui nos EUA, a volta às aulas. Após quase três meses de férias, que coincidem com o período do verão americano, todos os alunos retomaram suas rotinas de estudo. Não …


Exclusivo
Tribuna Livre

Educação com segurança

Na semana passada tivemos, aqui nos EUA, a volta às aulas. Após quase três meses de férias, que coincidem com o período do verão americano, todos os alunos retomaram suas rotinas de estudo. Não foi …


Exclusivo
Tribuna Livre

A odiosa Devassa e os impostos nos tempos modernos

Durante o Século XVIII, o Brasil-Colônia arcava com elevada carga tributa, que lhe impunha o nosso insaciável colonizador, a Coroa portuguesa. A aludida tributação recaía sobre tudo o que era …


Exclusivo
Tribuna Livre

A PMES e a Guerrilha do Caparaó

O movimento conhecido com “a Guerrilha do Caparaó” é citado por vários autores, como a primeira tentativa insurgência armada contra o regime militar feita por ex-militares cassados e alguns civis, …


Exclusivo
Tribuna Livre

Drama na educação superior pública

A lógica perversa imposta pelo governo às universidades públicas está visível para toda a sociedade. A situação financeira dramática da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) é acompanhada com …


Exclusivo
Tribuna Livre

No rumo das boas expectativas

É certo em economia que os agentes econômicos adoram as boas expectativas e detestam as incertezas quanto ao futuro. Empresários de todas as áreas ficam sempre atentos quando se fala de aquecimento …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados