Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

A segurança pública e as novas tecnologias
Tribuna Livre

A segurança pública e as novas tecnologias

O uso das novas tecnologias inteligentes no sistema de segurança pública tornou-se uma realidade nos últimos anos e tem transformado a gestão da segurança pública em algumas cidades do país. O papel da tecnologia vem ganhando protagonismo dentro das instituições de segurança e a implementação, bem como a estruturação, de sistemas de informação impulsionam a maior efetividade e capacidade de resposta das agências de segurança pública.

Na cidade de Vitória o Cerco Inteligente de Segurança é um bom exemplo de como o uso de ferramentas tecnológicas pode redundar em resultados bastante significativos na área de segurança pública para a sociedade.

O inovador sistema de reconhecimento óptico de caracteres (OCR) está completando um ano de funcionamento e já apresenta números expressivos. Em aproximadamente 12 meses de atividade o sistema de rastreamento contribuiu para que a Guarda Municipal de Vitória e a Polícia Militar recuperassem 130 veículos, ou seja, para termos uma referência o OCR reduziu em 50% o quantitativo de furtos e roubos de veículos, se compararmos os três primeiros meses de 2019 em relação a 2018, segundo dados da Secretaria Municipal de Segurança Urbana de Vitória.

No mesmo período houve registro de redução de 19% de crimes contra o patrimônio na capital e também podemos atribuir ao sistema parte do resultado de queda, pois, em geral, o crime contra o patrimônio está associado ao uso de veículos.

A experiência da capital com o sistema de rastreamento veicular OCR tem sido tão exitosa que governo do Estado já analisa a possibilidade de expandir o uso da tecnologia para outros municípios, o que significaria um salto qualitativo bastante interessante no que se refere à gestão de segurança pública do atual governo estadual associado ao uso de novas tecnologias no campo da segurança e defesa social.

Outro aspecto relevante diz respeito ao uso do Cerco Inteligente de Segurança como ferramenta de auxilio às investigações policiais, tornando-se instrumento de integração para os trabalhos executados entre a Guarda Municipal de Vitória, as polícias Civil, Militar e Federal, assim como o Ministério Público. Verificamos que o emprego da inteligência policial, por intermédio do uso de tecnologias inovadoras e softwares de inteligência artificial, vem transformando-se em um dos fatores mais relevantes para a redução dos índices de criminalidade na cidade de Vitória.

Os resultados do Cerco Inteligente de Segurança de Vitória demonstram a importância do uso das novas tecnologias na perspectiva de consolidação de um modelo, ainda incipiente em nível nacional, de governança para o sistema de segurança pública pautado em accountability (prestação de contas) e transparência, com foco no alcance de maior eficácia para as políticas públicas de segurança.

Com melhores equipamentos e uso de tecnologias é possível potencializar os trabalhos das guardas municipais e das polícias, inclusive com destaque para o papel protagonista dos municípios no que refere a sua participação no sistema de segurança pública.

Bruno Medeiros Loureiro é especialista em Segurança Pública e gerente de Formação da Guarda Municipal de Vitória
 


últimas dessa coluna


Exclusivo

Netflix versus cinema. Vocês ainda não viram nada

Nova Iorque, 6 de outubro de 1927, Picadilly Theatre. Na tela, diante de um público que desconhecia o que lhe aguardava, o ator branco Al Jolson, pintado com tinta preta, interpreta um cantor de jazz …


Exclusivo

Teletrabalho e a possibilidade legal da empresa reduzir custos

O teletrabalho é previsto no Capítulo II-A da CLT, porém, empresários e trabalhadores ainda têm dúvidas sobre essa modalidade contratual, também chamada de home office. O teletrabalho nada mais …


Exclusivo

Violar prerrogativas é amedrontar a sociedade

O advogado mineiro Sobral Pinto foi definitivo: “A advocacia não é uma profissão de covardes”. E não é mesmo. Enfrentar o Leviatã cada vez mais inchado e poderoso, somadas às angústias dos condenados…


Assistentes sociais no combate ao racismo

Vivemos uma conjuntura marcada pela intensificação da retirada de direitos sociais e de mudanças drásticas na direção das políticas públicas. São mudanças defendidas a partir de um discurso que visa …


Primeira estrada do Estado completa um século

Ao transitar pelas inúmeras estradas de rodagem que interligam os mais remotos rincões do nosso Estado, pouca ou nenhuma memória nos vem à tona para nos remeter a um passado relativamente recente, de …


Agricultura e economia nacional: passos para o desenvolvimento

Atualmente, o Brasil ocupa lugar de destaque como exportador de vários produtos agrícolas, razão pela qual se afigura como um dos principais atores na redefinição da ordem mundial do comércio …


A importância dos conselhos de fiscalização profissional

Em tempos de discussão acerca da manutenção dos conselhos de fiscalização das atividades profissionais e até mesmo a dúvida que permeia a sociedade quanto à necessidade da existência de tais …


A onda do naturismo cristão

Está chegando ao Brasil mais uma onda norte-americana do campo religioso. Criada em 1984, na cidade de Ivor, Pensilvânia, a Igreja White Tail se destaca por ser uma comunidade nudista. O …


E os médicos ainda são culpados?

A velha história se repete. A crise que acomete a assistência aos pacientes no PA de Alto Lage, em Cariacica, foi creditada, há pouco tempo, pelo prefeito daquele município, em entrevista a emissoras …


Por que os jovens bebem tanto?

É uma triste realidade. Os adolescentes têm bebido cada vez mais e, o que é pior, cada dia mais cedo. Quais seriam as causas? Onde encontrar a origem do problema? São perguntas que todos fazem, mas …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados