search
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

A pandemia do novo coronavírus, o trânsito e a coletividade
Tribuna Livre

A pandemia do novo coronavírus, o trânsito e a coletividade

Muito se fala sobre as lições que a pandemia nos trouxe e, de fato, tanta dor, sofrimento e incerteza permitem uma série de reflexões sobre nosso comportamento como indivíduos e como sociedade.

Os números da pandemia do novo coronavírus revelam um cenário nunca vivido, são tristes e assustadores, mas não devem nos fazer esquecer ou deixar de lado outras questões que causam muitas mortes, como os acidentes de trânsito.

Estudo realizado via DPVAT estima que em 2020 o número de indenizações por morte, invalidez permanente ou despesas médicas e hospitalares geradas por acidentes de trânsito seja de cerca de 230 mil.

Nele estariam 30 mil mortes, 143 mil casos de invalidez permanente e 30 mil pagamentos referentes a despesas médicas e hospitalares. Ou seja, acidentes de trânsito também são preocupantes e uma das lições mais fortes da pandemia da Covid-19, por exemplo, vale também para “curar” questões relacionadas às mortes no trânsito: é preciso sair do individualismo e pensar de forma coletiva.
Viver em sociedade é compor uma rede. Se decido adotar um comportamento inseguro no trânsito ou desrespeitar recomendações de uso de máscara ou distanciamento social, coloco em risco minha própria vida e a vida de outras pessoas.

No trânsito, cada “agente” dessa trama precisa fazer sua parte para o bem-estar coletivo. Significa ter consciência de nossa responsabilidade, respeitar as leis, adotar hábitos de direção defensiva, respeitar e proteger os “mais vulneráveis”, exercitando a cidadania e cuidado mútuo atrás do volante, andando a pé nas ruas da cidade, pilotando uma moto ou pedalando.

Somos parte de um todo. Dependemos uns dos outros. Pensar e agir coletivamente salva vidas, seja na pandemia de Covid, no trânsito ou no que diz respeito a questões ambientais e sociais.

A maior parte dos acidentes de trânsito poderia ser evitada com essa combinação eficaz de “vacinas”, que inclui doses como educação para o trânsito desde a tenra idade; investimento na qualidade e na sinalização das estradas; e mudanças de comportamento.

O trecho da Rodovia do Sol sob concessão é marcado por poucas ocorrências de acidente, principalmente fatais, por conta da estrutura de pavimento, sinalização, dos trabalhos de manutenção e conservação, de acordo a CNT, das campanhas de educação para o trânsito e da fiscalização dos órgãos competentes, além dos cuidados na operação. Mas é preciso seguir vigilante.

Temos falado muito que o futuro pós-pandemia é um ‘novo normal’. O que esperamos, de fato, é que este “novo normal” venha com a lição de que o meu comportamento impacta diretamente o outro, por vezes gerando morte, mas também salvando vidas. Agir com responsabilidade e pensar no respeito às normas e às leis de trânsito como forma de preservar os seus e os demais precisam ser atitudes deste novo momento.

Sabemos que não são tarefas fáceis, mas esse deve ser nosso objetivo como cidadãos, motoristas, motociclistas, ciclistas, pedestres, gestores. No trânsito como na pandemia, ninguém ganha sozinho.

Geraldo Dadalto é engenheiro civil e diretor-presidente da RodoSol

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora
esqueceu a senha?

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

Nova proposta na Câmara sobre prisão em segunda instância

Está em tramitação, na Câmara dos Deputados, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 199/19 sobre prisão após segunda instância. O Código de Processo Penal (CPP), em 2011, sofreu radical …


Exclusivo
Tribuna Livre

Nova lei facilita a recuperação judicial de empresas

Sancionada pelo Presidente da República no dia 24 de dezembro de 2020, a Lei 14.112 passará a vigorar a partir do próximo dia 23 de janeiro. A nova legislação visa a atualizar as regras relativas à …


Exclusivo
Tribuna Livre

Apoio e dedicação são aliados na batalha contra o câncer

O diagnóstico de uma doença grave traz consigo uma diversidade de sentimentos confusos e de forte impacto emocional, não apenas para o paciente como também para familiares e pessoas mais próximas. É …


Exclusivo
Tribuna Livre

Viagens de ônibus mais seguras e sustentáveis

O Espírito Santo é um estado marcado intimamente pela presença do modal rodoviário. A conexão entre os municípios capixabas, aquela que une cada ponto do Estado, é feita pelo modal rodoviário. Hoje, …


Exclusivo
Tribuna Livre

Novas tendências no atendimento ao cliente na internet

A transformação digital é assunto que continua pautado em 2021. Isso porque a pandemia fez explodir a necessidade das empresas de estar próximo dos clientes, mesmo em um período de isolamento social. …


Exclusivo
Tribuna Livre

A pandemia da Covid e a utopia do filme “Independence Day”

Quando eu tinha 16 anos, um filme me marcou de maneira muito específica, onde o mundo se unia para combater uma ameaça extraterrena, a produção era o Independence Day. Ao contrário da maioria, …


Exclusivo
Tribuna Livre

Vacinação é direito fundamental

A Constituição brasileira de 1988 assegura em seu Art. 5º, caput, a inviolabilidade do direito à vida. Certamente, o desejo do legislador constituinte originário, afinado com a Declaração Universal …


Exclusivo
Tribuna Livre

Mandamos a Ford embora

O Brasil caiu 15 posições no Doing Business 2020 – ranking do Banco Mundial que analisa o ambiente regulatório e a facilidade para se fazer negócios. Entre 190 economias, o País caiu da 109ª para …


Exclusivo
Tribuna Livre

O que aconteceu e o que ainda nos aguarda no mundo digital

Vivenciamos a primeira pandemia da humanidade em uma era digital. Esse trágico evento, apesar de ainda não ter acabado, já transformou definitivamente muitos hábitos e principalmente digitalizou …


Exclusivo
Tribuna Livre

Após as eleições, ficaremos de braços cruzados?

Com o término das eleições, quase tudo volta ao normal. Para alguns, a felicidade ainda está estampada com sorrisos e abraços por terem conseguido o tão almejado cargo de representantes do povo …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados