Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.


Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

esqueceu a senha? Assinar agora
Cookies não suportados!

Você está utilizando um navegador muito antigo ou suas configurações não permitem cookies de terceiros.

A Medida Provisória 881/2019 e a Liberdade Econômica
Tribuna Livre

A Medida Provisória 881/2019 e a Liberdade Econômica

Um dos temas importantes de discussão no Brasil é se estamos caminhando para mais uma década perdida, visto que, no período de 2011 a 2020, o crescimento médio do PIB brasileiro projetado é de apenas 0,9%. Além disso, o país ficou ranqueado em 153º lugar em liberdade econômica em 2018, em uma lista de 186 países; e na 27ª colocação entre os 32 das Américas.

Com a queda do PIB no primeiro trimestre de 0,2 por cento, podemos inferir que estaremos passando por mais um ciclo inevitável de baixo crescimento econômico? Será que essas quedas podem ser evitadas e qual é a relação entre o PIB com liberdade econômica?

Pesquisas empíricas mostram que existe forte correlação entre crescimento econômico e liberdade econômica. Países que apresentam um maior grau de liberdade econômica fogem do padrão de períodos de altas e baixas de crescimento econômico.

Os Estados Unidos, por exemplo, se sobressaem em relação à União Europeia e ao Japão no que se refere a taxa de desemprego e crescimento do PIB, pois gozam de maior liberdade econômica, que impulsiona o empreendedorismo. Lá existe mais liberdade comercial, fiscal, de investimentos (abertura para agentes externos), de mercado (menor regulamentação), de propriedade, bancária e de preços.

Ao publicar a Medida Provisória (MP) 881/2019, no último dia 30 de abril, parece que o governo brasileiro, corretamente, entendeu que o mundo se direciona para uma sociedade empreendedora.

Tal MP instituiu a Declaração de Direitos de Liberdade Econômica, estabelecendo garantias de livre mercado e apresentando dispositivos importantes, tais como: a presunção de liberdade no exercício de atividades econômicas; a presunção de boa-fé do particular; e a intervenção subsidiária, mínima e excepcional do Estado sobre o exercício das atividades econômicas.

Acredito que a MP signifique um grande avanço para estimular crescimento e desenvolvimento do Brasil. Da mesma maneira que, no século passado, o líder chinês Deng Xiao Ping liberou a energia comercial latente em seu país ao declarar que é “glorioso ser rico”, poderíamos fazer o mesmo ao avocarmos que é “ dignificante ser empreendedor”.

Contudo, é importante ressaltar que empreendedorismo não se restringe a empresas de tecnologias e startups. Empreendedorismo compreende também o trabalho de pessoas que iniciam negócios próprios como a criação de trading companies, empresas atacadistas, armazéns de logística e distribuição, empresas de varejo, prestadoras de serviços de contabilidade, finanças, seguros e muitos outros negócios.

Além disso, para parte da sociedade brasileira e novas gerações é importante desmitificar que empreendedorismo não é uma questão de herança genética, mas de aprendizagem, de cognição e que pode ser ensinado nas escolas.

Para um país gerar riqueza e promover crescimento é preciso que seja impulsionado o empreendedorismo. Nesse sentido, a MP 881/2019 apresenta muitos progressos, pois instrui ao poder público que existe uma outra maneira de se relacionar com a iniciativa privada, de modo que haja uma intervenção mínima na atividade empresarial. Entretanto, a MP ainda não foi convalidada pelo Congresso Nacional. É preciso, contudo, que a sociedade e empresários tomem consciência dessa importância de modo a garantir a sua aprovação.

Marcilio Rodrigues Machado é empresário e presidente do Sindiex.

Conteúdo exclusivo para assinantes!

Assine agora e tenha acesso ao conteúdo exclusivo do Tribuna Online!

Matérias exclusivas, infográficos, colunas especiais e muito mais, produzido especialmente pra quem é assinante.

Apenas R$ 9,90/mês
Assinar agora

últimas dessa coluna


Exclusivo
Tribuna Livre

A trajetória da coxinha

Linguistas ensinam que a existência de muitos idiomas em um espaço territorial pequeno é característica de áreas ocupadas há muito tempo. Já a existência de um único idioma em uma área territorial …


Exclusivo
Tribuna Livre

Metamorfose profissional e o mercado corporativo

O mercado corporativo está passando por mudanças bruscas nos últimos anos. Com o avanço da tecnologia, as empresas estão se reinventando e procurando novos caminhos e soluções ligadas à transformação …


Exclusivo
Tribuna Livre

Reflexões sobre a Arte atual

As pinturas rupestres ou pré-históricas, reveladas ao público no séc. XIX, foram de início apontadas pelos darwinistas como fraudes dos criacionistas (aqueles que acreditam que animais e plantas …


Exclusivo
Tribuna Livre

A relação entre urbanismo e segurança pública

O que o urbanismo tem a ver com a segurança pública? Para muitas pessoas não existe uma relação entre o urbanismo e a segurança pública, mas veremos que ao contrário do que pensa a maioria das …


Exclusivo
Tribuna Livre

O segredo da pré-campanha está no almoço de domingo

No domingo, como bom genro, decidi fazer um churrasco de agrado à minha sogra. Próximo a nossa casa existe um açougue, entretanto, pego o carro e faço questão de atravessar a cidade para comprar os …


Exclusivo
Tribuna Livre

Educação com segurança

Na semana passada tivemos, aqui nos EUA, a volta às aulas. Após quase três meses de férias, que coincidem com o período do verão americano, todos os alunos retomaram suas rotinas de estudo. Não …


Exclusivo
Tribuna Livre

Educação com segurança

Na semana passada tivemos, aqui nos EUA, a volta às aulas. Após quase três meses de férias, que coincidem com o período do verão americano, todos os alunos retomaram suas rotinas de estudo. Não foi …


Exclusivo
Tribuna Livre

A odiosa Devassa e os impostos nos tempos modernos

Durante o Século XVIII, o Brasil-Colônia arcava com elevada carga tributa, que lhe impunha o nosso insaciável colonizador, a Coroa portuguesa. A aludida tributação recaía sobre tudo o que era …


Exclusivo
Tribuna Livre

A PMES e a Guerrilha do Caparaó

O movimento conhecido com “a Guerrilha do Caparaó” é citado por vários autores, como a primeira tentativa insurgência armada contra o regime militar feita por ex-militares cassados e alguns civis, …


Exclusivo
Tribuna Livre

Drama na educação superior pública

A lógica perversa imposta pelo governo às universidades públicas está visível para toda a sociedade. A situação financeira dramática da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) é acompanhada com …


Olá, !

Esse é o seu primeiro acesso por aqui, então recomendamos que você altere o seu nome de usuário e senha, para sua maior segurança.



Manter dados